Relacione-se com clientes via redes sociais?

Por Fernando Souza

Artigo_Relacione-se com clientes via redes sociais

As redes sociais se tornaram o centro das atenções da internet. Antes se uma empresa não tivesse um site, ela não existia. Agora essa verdade se aplica às redes sociais, em especial Facebook e Instagram. Mais da metade dos brasileiros possuem acesso à internet e praticamente todos os usuários utilizam alguma mídia social, mesmo que indiretamente.

Aliás, provavelmente você mesmo chegou até aqui por meio de alguma rede social, não é mesmo? Então, se empresas te encontram e – por que não “perseguem” em redes sociais, você no papel de microfranqueado vai ficar de fora desses canais, não é mesmo?

Para te inspirar, nós do Microfranquia em Foco solicitamos ao Fernando Souza, professor, palestrante e especialista no assunto, que destacasse 5 motivos porque todo microfranqueado deve investir nessa ferramenta de comunicação.

Redes sociais

Veja a seguir 5 dicas para apostar em redes sociais como canal de relacionamento e vendas para sua unidade de microfranquia:

Dica 1
As mídias sociais permitem falar com a pessoa certa, na hora certa, no local certo. Muitas franqueadoras permitem que o franqueado tenha seu próprio Facebook e Instagram e isso gera uma grande autonomia de investimento e possibilidade de geração de conteúdo personalizado conforme a necessidade e linguagem local.

Dica 2
Boa parte das mídias sociais possibilitam que empresas façam segmentações extremamente precisas em raios de 1 a até 16 quilômetros. Com isso, é possível fixar um anúncio geolocalizado focado apenas em pessoas que estão passando em determinado shopping naquele momento, por exemplo. Facebook e Instagram permitem investimentos iniciais de R$ 1 (um Real), ou seja, não há qualquer desculpa para não investir.

Dica 3
Plataformas como Facebook e Instagram permitem segmentações de anúncios não apenas por dados demográficos (idade, sexo, gênero), mas também por interesses. Basta a pessoa falar que está com vontade de comer frango ou que gosta de comer castanhas, que entrará na respectiva segmentação dentro da plataforma. E, assim, o empreendedor pode falar com pessoas que estão realmente interessadas em seus produtos.

Dica 4 
As mídias sociais são uma ótima interface para se aproximar do público alvo, então, conhecer os consumidores e aprender sobre seus hábitos e comportamentos. Um empreendedor atento pode e deve acompanhar (seguir, no caso) seus principais consumidores nas mídias sociais, entender seus hábitos e, muitas vezes, pode ter insights para o seu negócio com base nesse contato e aprendizado. E, claro, eventualmente seguir alguns parceiros e concorrentes, como forma de aprender mais.

Dica 5
Hoje em dia, as pessoas querem ser atendidas com exclusividade e, por conta disso, cada vez mais o atendimento ao consumidor deve se tornar digital e social. O antigo SAC por telefone deu espaço ao Instagram e WhatsApp e é uma forma rápida e barata para atender o público, bem como de gerar novas oportunidade de vendas. Em alguns casos, as mídias sociais tornam-se até extensões das unidades físicas das lojas, o que possibilita vendas diretas e, claro, aumento do faturamento.

Sobre o Autor

Fernando Souza

FERNANDO SOUZA
Consultor, Professor e Palestrante